5 técnicas de copy para você conectar leitores ao seu conteúdo

técnicas de copy

Você tem um negócio, faz marketing, trabalha com vendas ou produz conteúdo, mas ainda não está gerando resultados satisfatórios? Talvez o seu problema esteja na forma de se comunicar. Se você não consegue se comunicar com clareza, e muito menos persuadir, você está deixando dinheiro na mesa.

Se você deseja gerar melhores resultados com o conteúdo e atrair a atenção de mais leitores, aqui estão 5 técnicas de copy para você aplicar. Elas fazem parte de um conjunto de ações que você pode tomar utilizando a arte do escrever para vender.

Uma ciência capaz de fazer você melhorar o seu desempenho consideravelmente, seja produzindo artigos, anúncios, e-mails, ou simplesmente falando com as pessoas.

Essas técnicas tem o poder de influenciar através da persuasão.

Estas técnicas que o copywriter usa ainda não são devidamente exploradas por aqui, mas nos Estados Unidos onde estão os campeões das vendas, elas já trazem efeito nos números de faturamento de empresas dos mais diversos nichos.

Confiando na estratégia baseada em Copywriting, suas vendas aumentarão exponencialmente. Porém, através do livre arbítrio… cabe a você colocar em prática o que vai ler aqui!

#1. Atraia a atenção do leitor

A primeira coisa a ser feita no seu discurso é atrair a atenção de seu interlocutor. Você precisa estar em sintonia com a outra pessoa. Para isso, diga como você pode ser útil, informando de onde vem o seu conhecimento e experiência no assunto, o que te gera maior autoridade.

Em seguida, dê informações relevantes e interessantes. Foque no outro, não em você. Seja claro nas suas colocações, não discorde dela no início da conversa e desperte a curiosidadeSe dedique à criação dos títulos, ou headlines, e procure ganhar a a atenção do leitor já nesse primeiro momento.

Lembre-se que o usuário está em busca de algo, como sanar alguma dor, obter algum tipo de prazer, se entreter, enfim, seu título deve indicar que o texto tem o que ele busca. Para isso é essencial conhecer o público-leitor, estudar a persona e ter conhecimento sobre o que seu consumidor em potencial está buscando.

#2. Explore o problema

Se você vende algo, significa que encontrou a solução de um problema, certo? Antes de falar desta solução e da oferta em si, inicie o discurso falando do problema. Para isso você precisa dominar a fundo o produto ou serviço que vende. Sobre o que é o conteúdo que você produz? Você de fato estudou este produto/serviço o suficiente para falar dele? Profissionais de alta performance dominam completamente todos os processos do negócio.

Mostre ao seu leitor que você entende tão bem, até melhor que ele próprio, o que ele está passando, os problemas que está tendo neste momento, e que você não só pode ajudá-lo a resolver isso, como é a pessoa mais adequada para essa tarefa.

Somente depois que você tiver agitado bastante o problema na mente do cliente, depois que tiver aumentado a dor dentro dele, foque na solução. Em qualquer boa copy isso é colocado em prática, passo a passo, exatamente nesta ordem. Experimente essa mesma linha de produção para o conteúdo, lembre-se que todo conteúdo é uma pré-venda.

#3. Fale do produto no momento exato

Sei que estamos falando de conteúdo, mas em um determinado momento você precisará falar do produto. Claro, pois só assim se cumpre o objetivo do negócio, a venda.

Para aumentar as possibilidades de conversão em vendas, a entrega de conteúdo com alta qualidade funciona muito bem na geração de relacionamento. Relacionar-se corretamente com seu cliente através de conteúdo o deixará melhor preparado para receber sua oferta de forma mais natural quando chegar a hora, reduzindo as resistências naturais do cérebro, que chamamos de objeções.

Isso só acontecerá também, depois que você tiver disparado os gatilhos mentais de forma correta. Te aconselho a saber mais sobre este assunto neste link. Após conhecer os benefícios e soluções do seu produto através dos seus conteúdos e relacionamento, pagar por ele se torna inevitável.

#4. Desperte emoções

Não inclua informações irrelevantes ou inúteis, para não gerar dúvidas no leitor. Foque em qualidade e não em quantidade, é isso que o cliente busca. Textos longos não necessariamente são os melhores. Você precisa escrever de uma forma que desperte o que te favorece, eliminado dúvidas e objeções. A ideia da copy é despertar emoções e tornar os pensamentos do futuro cliente os seus aliados.

As pessoas em geral gostam, e sentem necessidade, de falarem de si mesmas. Uma boa forma de despertar emoções é mostrando que a sua jornada é parecida com a delas, pois assim a empatia é criada, e o terreno fica mais bem preparado para que a conversão ocorra.

#5. Conduza o leitor à ação

Você já ouviu falar em Call-to-Action (CTA)? Esta é uma técnica de marketing que ajuda o leitor a tomar uma decisão. É algo que pode fazer a grande diferença em seus conteúdos e textos de vendas. A maioria das pessoas são naturalmente indecisas e precisam ler ou ouvir algo como “Compre Agora” ou “Clique Aqui”. Quando você aprende a usar bem um CTA, o leitor acaba fazendo o que você pede sem questionar.

Lembre da máxima: “se você não disser ao cliente para onde ir, ele pode ira a qualquer lugar… inclusive embora”. E uma vez que sai do seu site, pode nunca mais fazer negócios com você. Principalmente se for conquistado pela concorrência.

Há dois conteúdos que podem te ajudar a escreve bons CTA’s:

Call to Action: Chamadas Para Ação Que Geram Mais Conversão e Vendas

Call-to-Action – Elemento Indispensável em Um Artigo Que Converte.

Pronto para persuadir mais com seus conteúdos?

Se você souber dominar o discurso, atrair a atenção e envolver o cliente, seus resultados serão excelentes. Isso pode parecer difícil, mas eu posso garantir que não é. Leia mais sobre o assunto e comece a testar diferentes formas de discurso. Mas olhe, inicie hoje mesmo.

Para te ajudar a melhorar sua narrativa e o seu poder de persuasão, conheça o meu site oficial aqui neste link. Lá você descobrirá como desenvolver técnicas de copywriting capazes de subir exponencialmente seus índices de conversão.

Até breve, e Boas Copys!

Tudo o que você precisa saber para gerar mais tráfego, mais leads e mais vendas usando o poder da persuasão e copywriting!

Paulo Maccedo

Paulo Maccedo

Paulo Maccedo é autor de livros sobre marketing e criação de riquezas e copywriter de resposta direta. Escreveu 2 livros best-sellers sobre escrita persuasiva, um deles, considerado o livro mais completo sobre copy do mercado brasileiro. Carioca, casado, pai do Peter Gabriel, gosta de rock, churrasco e literatura.
Paulo Maccedo

Paulo Maccedo

Paulo Maccedo é autor de livros sobre marketing e criação de riquezas e copywriter de resposta direta. Escreveu 2 livros best-sellers sobre escrita persuasiva, um deles, considerado o livro mais completo sobre copy do mercado brasileiro. Carioca, casado, pai do Peter Gabriel, gosta de rock, churrasco e literatura.

Este post tem 2 comentários

  1. Oi Leandra! Muito bom seu artigo. Verifica o link para seu site, não está funcionando! Abraços

    1. Oi, Raquel. Vi seu comentário! Já verifiquei o link. está certinho. Muito obrigado!

Deixe uma resposta

Quem gostou deste artigo leu um desses

Fechar Menu