O que acontece na casa de praia, fica na casa de praia.

O que acontece na casa de praia, fica na casa de praia.

Reuni-me com alguns empresários neste último fim de semana numa casa de praia.

Infelizmente, não posso dar muitas informações sobre o evento…

O lema da reunião foi:

What happens at the beach house, is at the beach house.

Em tradução:

O que acontece na casa de praia, fica na casa de praia.

A imersão foi em Paraty, num local paradisíaco, situado no litoral sul do Rio.

A vista litorânea da bela casa serviu de inspiração para a escrita de alguns textos (este é um deles).

Foram 3 dias de excelentes conversas sobre negócios.

O anfitrião nos recebeu muito bem (fomos para lá parceiros e voltamos amigos).

Teve churrasco, bebida de qualidade, música boa…

Destaque para a moqueca que a simpática cozinheira, Dona Rosângela Rosa fez no primeiro dia.

No segundo, rolou passeio de escuna…

Aliás, o veleiro quebrou e ficamos o dia todo ancorados próximos à praia chamada “O Saco da Velha”.

Apesar do pequeno susto, continuamos nos divertindo…

…comendo churrasco, mergulhando e falando sobre como nossas vidas se tornaram melhores depois que decidimos empreender.

Depois de muitas horas (o sol já havia se posto), o simpático capitão do barco conseguiu resolver a questão do motor…

Entendi que era “rebimboca da parafuseta náutica”.

Um marinheiro amigo trouxe uma peça para substituição e deu tudo certo.

Enfim, a imersão foi tão boa que eu não postei nada nas redes sociais a não ser fotos no estilo empreendedor lifestyle com frases curtas de efeito.

Uma vibe de instrammer nômade que ganha dinheiro no piloto automático (tudo a ver comigo?).

Hoje, segunda-feira, voltamos com a programação normal…

Escrevo este post com gosto de quero mais — tomara que ano que vem se repita!

Bem, como expliquei no começo do texto, não posso falar muita coisa sobre a imersão, mas algo eu posso revelar…

A maioria das conversas dos presentes em volta da mesa ou na ponta do barco foi sobre…

Copywriting.

O que me impressionou é que todos os presentes sabem da importância do copy em suas empresas.

E todos aplicam as técnicas desse cobiçado método para tornar seus negócios mais lucrativos.

Aprendi muito com aqueles caras…

E contribui um pouquinho com eles também.

Aliás, aqui vão algumas lições que trago de lá:

1). É extremamente possível criar um negócio lucrativo com base em seu estilo de vida (lifestyle business).

2). Ser autêntico e sincero com sua audiência é uma das melhores formas de se destacar no mercado.

3). Contexto é uma das principais premissas de uma boa comunicação (procure sempre compreender o contexto em que seu produto está inserido).

4). Sente-se à mesa com pessoas de sucesso e coma churrasco com quem pode te tornar melhor.

Enfim, a imersão “não pode falar o que aconteceu na casa de praia” foi fantástica.

E ajudou a construir mais um pedacinho da história desse empreendedor que vos escreve.

PS.: Depois que o barco foi recuperado, enquanto voltávamos para o continente, recebi através de conexão 3G mensagens mostrando novas inscrições no meu novo curso Copywriting e Escrita Poderosa.

Você não tem ideia de como foi legal ver pessoas garantindo suas vagas enquanto eu olhava para o horizonte e ouvia o barulho das ondas.

PPS.: Sua inscrição também pode ser feita agora através da carta-convite.

Faça como aqueles empresários da casa de praia, domine o método de escrita mais cobiçado do mercado — “toque o barco” e construa negócios mais lucrativos.

About Paulo Maccedo

Paulo Maccedo é escritor best-seller, profissional de marketing e copywriter. Além de escrever livros, trabalha ajudando empreendedores a influenciar pessoas e construir negócios mais lucrativos usando o poder das palavras.

Deixe uma resposta

Fechar Menu