Como ganhar dinheiro com blog: a chave para lucrar com o que você escreve

como ganhar dinheiro com blog

Amo trabalhar com blogs…

A sensação de criar pautas, escrever, publicar e divulgar, é indescritível.

Melhor ainda é saber que, se você fizer um bom trabalho, as pessoas vão ler o que você escreve. E, dependendo do caso, ainda vão comprar de você.

Imagine escrever sobre algo que você ama e ainda ganhar dinheiro com blog.

As redes sociais se fortalecem a cada dia, mas para mim, nada supera o blog. Começando pelo fato que o blog é algo seu. Você faz as regras. Cria as coisas do seu jeito.

Claro que, diferente de outras mídias, você precisa levar as pessoas até lá. Isso pode representar um grande esforço, mas os resultados são indiscutivelmente recompensadores.

Gosto tanto deste assunto que escreveria um livro inteiro sobre como ganhar dinheiro com blog.

Dá impressão que falar sobre blog em 2018 está fora de moda, não é?

Afinal, o formato foi inventando há mais de duas décadas. Para você ter ideia, o termo weblog foi criado por Jorn Barger em 1997.

Já abreviação, blog, foi criada por um cara chamado Peter Merholz, em 1999. De brincadeira ele desmembrou a palavra weblog para formar a frase “we blog” (“nós blogamos”” na barra lateral de seu blog.

Nessa época, só existiam 50 blogs no mundo. Hoje, existem cerca de 112 milhões de cerca de 120 mil são criados todos os dias.

Se eu escrevesse um livro sobre blog ou sobre como ganhar dinheiro com blog, eu falaria de caras, como o mago do marketing Seth Godin. Ele tem um blog desde o início dos anos 2000 onde publica diariamente insights sobre negócios. Sou leitor assíduo desse blog.

No livro eu também reservaria um capítulo para falar de ganhos financeiros através da união:

BLOG + CONTEÚDO DE ALTO VALOR.

Citaria o caso de Patt Flynn, do blog Smart Passive Income. O sujeito fatura entre 50 e 100 mil dólares por mês como afiliado usando blogs. Tem ideia? Isso representa mais de 5 milhões de lucro somente com conteúdo.

Não deixaria de citar também o Darren Rowse, considerado por muitos o blogueiro número 1 dos Estados Unidos. Rowse criou o Problogger, blog que é acompanhado por mais de 1 milhão de pessoas no mundo todo. O cara fatura mais de 100 mil reais por mês.

Isso é o que um blog bem construído pode fazer…

Porque você deve criar um blog

Certa vez, conversava com um amigo a respeito de ter um blog. Ele se motivou a criar um há algum tempo e isso se intensificou depois de um post meu.

Realmente, falar de criar blog em 2018 soa démodé, mas a verdade é que um blog voltado a negócios ainda é uma das opções mais relevantes quando falamos em marketing digital.

Só para você ter uma ideia, vou citar algumas vantagens de ter um blog:

1 – Estabelece liderança

Quantos são os blogs que são respeitados na rede por trazerem um conteúdo de alto valor sobre o setor de atuação. Quando falamos de posicionamento, as marcas líderes são as que conseguem conquistar um lugar de privilégio na mente dos consumidores. E como bem disse Al Ries e Jack Trout, dois grandes autores de negócios:

Marketing não é uma batalha de produtos, é uma batalha de percepções.

2 – Ajuda você ser encontrado pelo Google

Tenha em mente que aparecer nas três primeiras páginas do Google é um fator decisivo para o sucesso ou fracasso do seu negócio. Realmente isso pode ser determinante para o desempenho de sua marca. Conteúdo é um elemento essencial para o ranqueamento do seu site no buscador. Um cara chamado Lee Odden tem uma frase interessante:

Em primeiro lugar, o conteúdo é a razão das buscas terem começado.

3 – Ajuda com a consciência de marca

Brand Awareness, e português, consciência de marca, é a medida em que uma marca é reconhecida por clientes potenciais e está corretamente associada um determinado produto. Esse conceito expressa, geralmente, uma porcentagem do mercado-alvo e é o principal objetivo do marketing nos primeiros meses ou anos de introdução de um produto. Conteúdo ajuda a construir essa percepção. Confira o pensamento de Andrew Davis:

Crie momentos de inspiração que estimulem as pessoas a entrar numa jornada.

4 – É interativo, dinâmico e engajador

Interatividade e dinamismo soam como palavras de ordem em tempos de mídias digitais. O blog é um canal que permite gerar experiência justamente com esses conceitos. Além disso, há a oportunidade de gerar engajamento, que é um ativo poderoso para quem faz negócios na internet.

Engajamento é interação, envolvimento, influência, intimidade e relacionamento com marca.

5 – Facilita o processo de vendas

O blog é um canal perfeito para fazer marketing de conteúdo, cujo objetivo é ajudar a alavancar as vendas de um negócio preparando o público para uma compra direta. Você consegue fazer o potencial cliente passar por uma jornada de compra usando o blog, o que pode representar um processo perfeito para sua empresa na internet. Uma frase de Marcus Sheridan resume bem tudo isso:

O bom conteúdo é a melhor ferramenta de vendas do mundo.

6 – Gera aprendizado

Dia desses falava com um amigo que é produtor de conteúdo. Ele me contava sobre um artigo gigante que estava preparando para sua audiência. No decorrer de nossa conversa, ele afirmou: “Se eu escrever um artigo desse por semana, vou me tornar um verdadeiro especialista.” Concordei. Criar conteúdo é uma forma ímpar de ajudar e ser ajudado. Você consegue se tornar um expert escrevendo e blogando.  Andy Crestodina, diz:

Quando criar conteúdo, seja a melhor resposta para o que as pessoas procuram na internet.

7 – Garante resultados a longo prazo

Certa vez, olhando minha caixa de e-mail, vi que recebi uma mensagem de venda realizada através da plataforma Hotmart. Fui conferir e era de um produto sobre qual eu havia escrito dois anos antes. Dois anos. Um artigo que foi publicado há tempos num blog, me gerou uma venda. Esse é um dos poderes do blog. Vamos conferir o que Amrita Sahasrabudhe fala:

Arrisque e continue testando, porque o que funciona hoje não funcionará amanhã, mas o que funcionou ontem pode funcionar de novo.  

Sou entusiasta. Seja para ganhar dinheiro, compartilhar opiniões ou organizar as ideias, criar um blog ainda é uma ótima ideia. 😉

Problogger

Problogger, em definição simples e direta, é um blogueiro que vive de ganhar dinheiro com blogs.

Ou seja, é um profissional que tem seus ganhos vindos de blogs que cria e administra.

Sua atividade se concentra na arte de escrever artigos e publicar em blogs, tanto nos seus próprios, quanto de outras pessoas.

Em resumo, blogger é uma pessoa que bloga, isto é, que tem um ou mais blogs.

Chamamos comumente o blogger de blogueiro.

Já o Problogger é um blogueiro profissional. Uma pessoa que deixou de ser um “postador” de textos na internet para se tornar um profissional.

Esse profissional não precisa sair de casa todos os dias para trabalhar. Ele pode atuar em home office, ocupando um pequeno espaço de sua casa para produzir os textos que publicará na internet.

Mas o Problogger, se quiser ganhar dinheiro com blog, deve ter disciplina, muita disciplina, caso contrário o dia passa e ele não consegue fazer nada.

Tem de se manter distante das distrações e levar o negócio a sério.

Aliás, aproveito para compartilhar um insight com você, que deseja aprender como ganhar dinheiro com blog…

A disciplina de um Problogger

Mesmo trabalhando em casa, pratico um pequeno ritual diário. Acordo cedo, me arrumo, tomo café, boto as coisas na mochila, me despeço da esposa e “vou para o trabalho”.

Essa é uma forma de dizer à mente e ao corpo que não estou para o lazer.

Tem um sofá no escritório que eu uso para descansar no intervalo entre uma tarefa e outra. Nele eu consigo deitar por alguns minutos e relaxar a mente ao som de uma música tranquila.

Mas quando estou no escritório, não consigo, por exemplo, assistir vídeos de entretenimento. O espaço é para trabalho. Isso está bem definido aqui.

Esse tipo de coisa faz toda diferença. Te faz evitar cair em armadilhas que podem te levar à falência. Mesmo no home office tem que te haver disciplina.

Minha família ultimamente age como se eu fosse um monge que não pode ser perturbado em sua meditação. Não há interrupções desnecessárias. Rola um respeito muito bacana.

Com a organização de tempo, a produtividade fica garantida. Portanto, se a coisa não fluir, a responsabilidade é exclusivamente minha.

A pior coisa que você pode fazer é tratar o “trabalho informal” com informalidade. Achar que “tudo é festa”.

Você precisa preparar o ambiente e agir com seriedade. O destino do negócio disso depende. Ignorar isso pode acabar fazendo o trabalho dos sonhos se tornar um pesadelo.

Mas não se engane, o segredo não está no blog, em si.

O segredo está no conteúdo…

Ou melhor, no conteúdo poderoso.

Você precisa preparar o terreno para receber os visitantes do seu blog, certo? Também precisa criar meios deles se tornarem seus leads. E também aplicar elementos que facilitem a conversão.

Certo, para tudo isso um conteúdo bem construído é simplesmente fundamental.

Infelizmente ainda não consegui escrever um livro sobre a importância de um blog, mas escrevi sobre o poder do conteúdo.

Ele se chama…

A Arte de escrever Para a Web e Produzir Conteúdos Poderosos.

Pelos meus cálculos, já ultrapassa os milhares o número de leitores. Leitores que usam blog e conteúdo para cumprir objetivos de negócios. Se você tem esse livro em mãos, está a maior caminho de conseguir um blog de sucesso.

Aliás, essas não são palavras minhas, mas de gente que leu. Mas isso você mesmo precisa conferir. Abaixo segue o link para você reservar seu exemplar e criar um blog imbatível…

Aqui está o livro.

Tudo o que você precisa saber para gerar mais tráfego, mais leads e mais vendas usando o poder da persuasão e copywriting!

Paulo Maccedo

Paulo Maccedo

Paulo Maccedo é autor de livros sobre marketing e criação de riquezas e copywriter de resposta direta. Escreveu 2 livros best-sellers sobre escrita persuasiva, um deles, considerado o livro mais completo sobre copy do mercado brasileiro. Carioca, casado, pai do Peter Gabriel, gosta de rock, churrasco e literatura.
Paulo Maccedo

Paulo Maccedo

Paulo Maccedo é autor de livros sobre marketing e criação de riquezas e copywriter de resposta direta. Escreveu 2 livros best-sellers sobre escrita persuasiva, um deles, considerado o livro mais completo sobre copy do mercado brasileiro. Carioca, casado, pai do Peter Gabriel, gosta de rock, churrasco e literatura.

Deixe uma resposta

Quem gostou deste artigo leu um desses

Fechar Menu