O que aprendi sobre persuasão com Seth Godin

seth

Hoje contava a um amigo que aprendi muito com o Seth Godin.

O cara sozinho ajudou a revolucionar a forma como fazemos negócios na internet. No fim da década de 1990 ele já previa como seriam os próximos anos. 

Falou do fim da indústria da televisão e mostrou que os marqueteiros não mais teriam mais o poder de comandar a atenção do público-alvo quando quisessem.

Explicou que num mercado em que consumidores têm mais poder, os marqueteiros deveriam ter respeito; o que significa deixar de fazer spam, parar com a manipulação e ter em mente que manter as promessas é essencial.

Também disse que a única forma de espalhar uma ideia é fazendo que a ideia conquiste o buzz, sendo memorável. E chamou quem espalha essas ideias de “contaminadores”, e a ideia, em si, de “Idea Virus”.

Praticamente previu a essência do chamamos de marketing de permissão e, para mim, mudou a história do marketing.

Seth posta religiosamente em seu blog todos dias desde o começo dos anos 2000. E publica, em média, um livro por ano. Além de ministrar palestras, cursos e workshops.

O cara é uma aula ambulante de persuasão sutil. Sou de uma geração diferente da dele, mais ansiosa por natureza, e tenho uma personalidade muito distinta da do Mestre. Sou mais de atear fogo com maçarico do que iluminar com fósforos. Mas sempre serei seu discípulo.

Mudar mentes é diferente de mostrar que tem argumentos. Persuasão requer paciência, habilidade e discernimento.

Criei a frase acima inspirado no trabalho dele.

Tudo o que você precisa saber para gerar mais tráfego, mais leads e mais vendas usando o poder da persuasão e copywriting!

Paulo Maccedo

Paulo Maccedo

Analista de marketing, escritor best-seller, copywriter de resposta direta; criador do primeiro clube de copywriting do Brasil; autor do que é considerado o livro de copy mais completo em português; carioca, casado, pai do Peter e do Benício; gosta de rock, churrasco e literatura.
Paulo Maccedo

Paulo Maccedo

Analista de marketing, escritor best-seller, copywriter de resposta direta; criador do primeiro clube de copywriting do Brasil; autor do que é considerado o livro de copy mais completo em português; carioca, casado, pai do Peter e do Benício; gosta de rock, churrasco e literatura.

Deixe uma resposta

Quem gostou deste artigo leu um desses

Fechar Menu